3% OFF VIA PX
Elemento | Maxi Gráfica | Marca

Como converter em curvas?

O elemento criado pelo software de design gráfico utiliza ferramentas que mantêm e facilitam a edição de suas características e configurações padrões. 

Permitindo que você possa editá-los de forma simples e fácil, aumentando, diminuindo ou alterando alguma outra característica do objeto vetorial criado com a ferramenta.

Cada software disponibiliza condições diferentes para a edição de cada elemento, o que pode facilitar a edição, aumentar a distância entre linhas ou letras, editar o conteúdo do texto, aumentar ou diminuir a quantidade de pontas em um objeto estrela ou arredondar cantos em retângulos. 

Cada software oferece uma série de facilidades conforme o elemento selecionado.

Quando convertemos esse elemento em curvas, estamos solicitando ao sistema que, a partir dessa ação, ele identifique os pontos de ancoragem do desenho e crie um desenho vetorial que identifique com precisão onde incluir cada ponto, para que não haja nenhuma alteração no desenho.

O QUE É CONVERTER EM CURVAS?

Converter em curvas é transformar um elemento de design gráfico
em pontos vetoriais, que quebram a referência entre o elemento
e a ferramenta principal do software que o criou.

POR QUE CONVERTER EM CURVAS?

Esse processo é necessário quando houver a necessidade de efetuar o fechamento do arquivo para impressão.

Ele garante que, ao gerar o arquivo PDF/x1a ou PDF/x4, o elemento não perca suas características de desenho padrão.

Podem existir casos em que os elementos são menos complexos em seu desenho e não há necessidade de convertê-los em curvas.

COMO CONVERTER EM CURVAS?

Com a conversão para elementos vetoriais, o texto ganha escalabilidade e pode ser redimensionado sem perder qualidade, tornando-o mais versátil para diversos projetos gráficos.

A conversão do texto em elementos vetoriais é feita de maneiras diferentes conforme o software utilizado.

Vamos abaixo descrever como realizar esse processo nos três principais softwares:

Participe do Nosso Newsletter

Ao utilizar o Adobe Illustrator, o processo de converter um texto em curvas segue esse procedimento:

Com o texto selecionado, utilize os seguintes atalhos: “CTRL + SHIFT + O”, caso você esteja utilizando sistema operacional Windows ou “SHIFT + CMD + O”, caso esteja utilizando um Macintosh.

Você também pode executar essa mesma ação, com o texto ou bloco de texto selecionado e navegando até o menu “Tipos” -> selecionando a opção “Criar Contornos”.

Veja na imagem abaixo:

Converter em Curvas no Illustrator

No Adobe InDesign, o procedimento é semelhante ao Adobe Illustrator, pois os atalhos utilizados são os mesmos ou se preferir navegue até o menu “Tipos” -> e selecione “Criar Contorno de Fontes”. 

Veja a imagem abaixo:

Converter em Curvas no InDesign

No CorelDraw, ao selecionar um elemento/objeto no sistema, existem três formas de converter em curvas.

1ª Clicando com o botão direito em cima do elemento, e selecionando a opção “Converter em curvas”, conforme a imagem abaixo:

Menu de Opções CorelDraw

2ª Com o elemento selecionado, navegue pelo menu “Objeto” ir até a opção “Converter em curvas”.

Veja a imagem do menu objeto abaixo:

Menu Objetos, CorelDraw 2022

3º Com o elemento selecionado, executando o comando “CTRL + Q” (Windows) ou “CMD + Q” (Macintosh).

IMPORTANTE: Essas opções estão disponíveis, na Suíte de Aplicativos 2023, conhecida como versão 24, em versões anteriores ou posteriores, o local onde cada uma está localizada podem ter diferenças na localização.

A qualidade de uma impressão gráfica é composta por boas práticas necessárias em todo processo produtivo, desde o design até a entrega. 

O procedimento de converter em curvas na finalização de arquivo é uma forma de garantir que os elementos que compõem a arte final não se alterem.

Sempre faça um Check List na hora de salvar seus arquivos:

– Salve uma opção editável; Lembre-se de manter uma cópia do texto original antes da conversão, caso seja necessário fazer alterações no conteúdo posteriormente.

– Confira no PDF gerado, se houve alguma alteração nos elementos.
– Utilize sempre PDF/x1a ou PDF/x4 para finalização de arquivos de impressão.

Gostou dessas informações?

Cadastre-se em nossa newsletter para receber mais dicas e instruções de como melhorar seu design gráfico e processo criativo.

Leia mais sobre Design Gráfico

Neste artigo, apresentaremos um guia de seleção das melhores fontes tipográficas para diferentes tipos de projetos, ajudando você a escolher com confiança e criar designs impressionantes.
Descubra como elaborar uma capa de livro incrível no Canva e conquiste seus leitores com uma primeira impressão impactante.